Fonte: http://www.papodehomem.com.br/31-dicas-para-uma-vida-saudavel-sem-ser-chato-pra-caralho/

Débora Navarro
Corpo são, Listas, Melhor do PdH
Você sabe que precisa melhorar seu estilo de vida. Lê, quase diariamente, sobre o quanto nossos comportamentos influenciam nossa saúde e qualidade de vida e, assim como eu, seu amigo, ou o melhor fisiologista do exercício, estamos todos cansados desse conhecimento e da ausência de motivação e procedimentos, para sermos e nos mantermos saudáveis.

Falar de saúde e conscientizar sem ser chata é um desafio, afinal, tem toda uma comunidade que se diz saudável, vomitando conselhos e exemplos e músculos e marmitas. Tudo muito chato, beirando à imprudência, à doença, ao histerismo coletivo.
Tentarei ser suave.

1. Contextualize-se, parte I
“Eu jogava basquete pra caraio! Juro!”
“Eu jogava basquete pra caraio! Juro!”
Não dê uma de tiozão e diga que jogava basquete na próxima avaliação da academia, quando na verdade praticou a modalidade dos 15 aos 17. Eu acredito que você era absurdamente ativo na adolescência, mas isso não influencia em nada suas atuais circunstâncias, apenas sua composição óssea e seu desenvolvimento motor.

Se você não está fazendo nada há 3 meses, você é sedentário. Assuma, engula o choro e se situe.

2. Contextualize-se, parte II

“Academia três vezes por semana, duas jarras d’água. Acho que dá”
“Academia três vezes por semana, duas jarras d’água. Acho que dá”
Sabe o ideal de corpo, de dieta, de 3 litros de água bebidas que você já se imaginou e propôs por várias vezes? Se já passou dos 30, possivelmente você não os terá assim nesses moldes deliciosos e imaginativos.

Sejamos francos.

3. Contenha-se, o mundo não está tão efusivo com sua mudança de hábitos

“Pessoal, a batata frita agora vai virar, todos os dias, chips de batata-doce. Agradeçam ao Jonas aqui”
“Pessoal, a batata frita agora vai virar, todos os dias, chips de batata-doce. Agradeçam ao Jonas aqui”
Mandar email pra empresa toda pedindo pra mudar o arroz branco por integral é forçar a sua batalha ou seu novo estilo de vida aos outros.

Conversar e ser leal às suas mudanças é a melhor maneira de demonstrar às pessoas que pode ser bem bom se alimentar melhor, mas dividir o fardo indiretamente é muito chato.

4. Não esqueça nenhum grupo muscular

Wolverine que escapa nos treinos de perna
Wolverine que escapa nos treinos de perna
É esquisito demais ver um bíceps de 40 cm e coxas e bundas esquecidas. Procure uma composição corporal adequada e saudável primeiramente.

A estética tem seu valor.

Equilibre seu treino para tornar-se saudável, ativo e minimamente harmonioso.

5. Comece agora

A eterna volta do seu “eu” de domingo
A eterna volta do seu “eu” de domingo
Se você se propôs mudar radicalmente de vida no dia tal — geralmente segunda-feira — alguma coisa está errada. A vida não merece ser reduzida a um ambiente de dieta, pontual, por meses contados.

Essas atitudes devem acontecer agora, na próxima refeição, na próxima hora, no fazer ou não o exercício diário.

6. Faça avaliações auto referenciadas

“Amor, vem ver aqui! É assim que eu quero ficar”
“Amor, vem ver aqui! É assim que eu quero ficar”
Você não terá o peito do Vin Diesel porque você não é o Vin Diesel e não tem a mesma fisiologia e recursos que o Vin Diesel tem. Ao se comparar com os outros, a probabilidade de frustração será enorme e, a seu ver, você falhará.

Treine nas suas reais possibilidades e ganhe o seu peitoral, que pode sim, ser bem parecido com o do grandão.

Obs.: Não fique com o peito do Vin Diesel.

7. Não pular o café da manhã tem que se tornar um mantra

Arranje tempo, arrume sossego, consiga uma boa companhia
Arranje tempo, arrume sossego, consiga uma boa companhia
Um café da manhã decente regulariza os níveis de glicose e, assim, ao longo do dia os picos de fome serão escassos. É a preparação de um dia saudável.

Não me venha com aquela cara de que não tenho fome, não tenho tempo, não gosto de mamão. “Mãe, vem limpar!”.

8. Mãe, vem limpar, parte II

Link YouTube | Não dá pra limpar a casa. Chamo a empregada porque eu tenho aula na academia sábado

Economize, tire a bunda da cadeira e vá limpar a sua casa.

9. A próstata

O negócio é mais profundo
O negócio é mais profundo
Anote aí: tomate, brócolis, goiaba e cenoura são alimentos que assumidamente cuidam de suas próstatas. Para não entrar em paranoia, coma vegetais, diversificados, todos os dias, e em quantidade.

10. Hoje é dia de glúten free, e amanhã?

Vai lá. Caia nessa
Vai lá. Caia nessa
Não confie sua vida nos lights, diets, glúten free. Se você não é celíaco, diabético ou apresenta alguma condição médica do gênero, não tem porque eliminar grupos alimentares de sua vida.

Se você ousa se interessar na fala da celebridade que diz que conseguiu melhor definição muscular ao cortar o glúten de sua dieta, eu não quero mais falar com você.

11. De verdade é mais gostoso

“Vou comer um desse”. Legal. “Vou comer todos”. Porra!
“Vou comer um desse”. Legal. “Vou comer todos”. Porra!
A vida de verdade tem pastel, coxinha, bolo de confraternização da firma, churrasco de sábado e pizza no domingo. Acostume-se com a ideia de que pode comer tudo isso com moderação.

12. Não tenha condutas tão inconstantes

Tá errado, grande
Tá errado, grande
Passar a semana contando calorias, negar uma mísera bala, e no fim de semana mastigar o mundo, pegar o carro para ir buscar o pão numa distância de duas quadras simplesmente porque de fim de semana pode e segunda começa tudo de novo?

Ah… que ódio de você.

13. Exercícios não são feitos apenas na academia

Sai de casa, cara, vai pra rua ou pro parque ou pra praia
Sai de casa, cara, vai pra rua ou pro parque ou pra praia
De Rocky Balboa, subindo degraus correndo ao som de “Gonna Fly Now” a John Travolta seduzindo a meninada com “”If I Can’t Have You”, são exemplos que falam por si.

Varie seu local de exercícios para ter sensações diferentes e novos testes e tarefas. A graça está em ter autonomia corporal em diversas situações.

14. Se desafie de quando em quando

Teve aquele dia que o Alberto Brandão se desafiou a fazer 3800 flexões. E fez.
Teve aquele dia que o Alberto Brandão se desafiou a fazer 3800 flexões. E fez.
Bom fazer exercícios tendo uma meta interessante, uma prova de corrida, subir uma montanha ou participar de algum tipo de prova. Ou simplesmente superar seus — e só seus — limites.

Parou de fumar e quer chegar em casa a pé. Quer treinar pernas e não vomitar depois. Pequenos feitos.

Tenha um desafio estabelecido e procure vencê-lo no tempo que desejar. Aqui só você manda.

15. Leia rótulos

“Nusolina de essência de quê? Fibrose de factolaticínio de que?”
“Nusolina de essência de quê? Fibrose de factolaticínio de que?”
Se os três primeiros ingredientes do rótulo da comida que você enfiará nessa bocarra forem desconhecidos, é sinal que provavelmente ele é um alimento empacotado que não existe.

Simples assim.

Não se engane com a barrinha de “cereal” light que tem 88 Kcal, uma maçã tem 150, não tem rótulos e ela existe.

16. Coma direito e não “certinho demais”

Molecadinha tuppaware
Molecadinha tupperware
Saber o que se come pode te ajudar. Se você come uma coxinha e vai treinar, seu treino ficará debilitado e pode atrasar todo o processo. Mas ir ao aniversário da priminha de oito anos e trocar brigadeiro por pote de batata doce não vai te trazer felicidade alguma.

Você deveria ser preso.

17. Você tem uma hora e meia para voltar jorrando endorfinas e fazer o que bem entender com elas

“Ah, perdi o pique. Vou só amanhã”
“Ah, perdi o pique. Vou só amanhã”
As tentações são tremendas naquele meio tempo entre a saída do trabalho e a ida à academia. Aquele filme massa está passando ou uma pizza foi pedida para te agradar ou simplesmente você é vítima daquele olhar que você conhece bem.

As tentações estarão lá depois, multiplicadamente deliciosas pelas endorfinas.

18. Pagou, coma. Mas não precisa chafurdar

Um almoço de terça e os fabricantes de antiácido agradecem
Um almoço de terça e os fabricantes de antiácido agradecem
A maneira como as pessoas agem em rodízios e buffets livres diz muito sobre sua relação com a comida e dinheiro. Não, você não precisa comer tudo e aproveitar cada centavo. Você pagou pelo ambiente, pela variedade, você saiu para se relacionar com pessoas.

Não diminua esse momento a uma chafurdação ignorante.

19. Feromônios bombando

“Bora dar um piquezinho, gata?”
“Bora dar um piquezinho, gata?”
Convide seus íntimos para programas ativos. O suor acompanha o exercício e a dupla oportuniza o melhor dos feromônios, fora o fato de que as pessoas são bem interessantes de tênis, camisetas e calças cinzas.

Emendam-se um café da manhã saudável e o melhor dos cenários foi criado.

20. Comeu feijão hoje?

tumblr_mposzpVs741r6bchgo1_1280
Ao invés de se preocupar com o que ou quantia do que comeu, antes de sua próxima refeição, preocupe-se com o que não comeu.

Comeu cereais integrais? Frutas? Feijão no almoço? No mínimo um prato de salada? Se não, antes de acrescentar aquilo que você está insistentemente desejoso, acrescente o que não comeu, e sabe que faz bem.

21. Agrade com comida

tumblr-lqia12bqnq1qfji2jo1-500
Aprenda a cozinhar.

Peça receitas para quem você sabe que vai se derreter ao te enviar uma, assista àquelas delícias cremosas que nos enfeitiçam na televisão. Esse processo te dá autonomia, o faz conhecer ingredientes e antecipar suas refeições.

Você passa a ter mais consciência do que coloca no prato. Ou então, peça para quem sabe, é de morrer receber um pedido de “faz aquele seu Parmegiana?”.

Não existe restaurante parisiense tão reconfortante.

22. Gaste o dinheiro da diarista

Nike_HO12_Running_jacket3
Compre roupas e tênis bons e confortáveis para os exercícios. É gostoso estar bonito e mais delicioso ainda é possibilitar aos seus joelhos que eles estejam ativos e dançantes aos 70.

Agrade seus joelhos.

23. Elabore ações saudáveis com a pessoa que você escolheu para chamar de sua

Não esse exercício. Melhor: não só esse exercício
Não esse exercício. Melhor: não só esse exercício
Ao longo do relacionamento, vocês mudaram suas composições corporais? O programa predileto é comer no sofá em frente à TV?

Proponham possíveis mudanças, o quanto podem gastar com atividade física, de que forma farão o supermercado, quem cozinha e o quê. Se um não quer, não insista. Vá, volte, faça um jantar gostoso.

Gente determinada nos provoca calores e mudanças.

24. O pior dos cenários

Peter-Griffin-funny-celebrities-picture
Se você é analfabeto motor, sedentário, com sobrepeso, não cozinha, dorme pouco e reprovou nos exames de sangue, não está fácil ser você, companheiro.

Ajuda eu dizer que em poucos meses você pode, com ações adequadas, ter melhorias bem significativas?

25. Conhece a campanha segunda sem carne?

paul-mccartney
Tente tirar a carne do prato pelo menos uma vez na semana. Sem rótulos, apenas um convite a redescobrir novos sabores e possibilidades alimentares.

26. Durma

tangled-8173
Está bem estabelecida a conexão poucas horas de sono — estresse — ganho de peso. Já inventaram muitas drogas poderosas, mas até então nenhuma substituiu os efeitos dos exercícios físicos.

27. A crocância das frituras

cq5dam.web.616.462
Se deu vontade de comer fritura, verifique a cor do óleo, pense em quantas vezes ele esquentou, esfriou, saturou. O risóles fica com gosto de batata frita que fica com gosto de pastel.

Se, mesmo assim, você encara, quem sou eu para te demover? Peço apenas que use dessa raça em alguma modalidade esportiva. Vai que temos uma descoberta esportiva? Se consegui empatar a sua fome, frite em casa, sem reutilizar o óleo.

28. Entre naquela sala reservada da academia

crossfit-fuengirola-slide01
O mundo fitness mudou para melhor, as aulas de ginástica não são mais destinadas apenas ao público feminino. TRX, CXWORX e Cross Fit são exemplos de aulas simplesmente deliciosas, pesadas, eficientes. Boas de verdade.

Tem um pessoal muito doido se especializando nisso e quem ganha somos nós. Sem mesmice, sem dois para cá e dois para lá e descoordenações.

29. Está fácil ser você?

“Tá fácil”
“Tá fácil”
Respire corretamente e observe o seu corpo durante os exercícios. Seu abdômen deve estar contraído a todo o momento.

O exercício está fácil? Se analise e veja se consegue deixar a postura mais bonita. Ainda está fácil? Aumente a intensidade (peso, velocidade). Fácil ainda?

Aumente o volume, a quantidade, os minutos, repetições. Sempre avante.

30. Se respeite

Photogenic-Fun-Run-Guy
Tudo isso tem que ser gostoso, divertido, progressivo.

Nem luxo, nem lixo. É ter saúde para gozar no final. Simples assim.

31. Porque é a minha idade

E pretendo que seja apenas um singelo começo.

 

Fonte:  http://www.papodehomem.com.br/31-dicas-para-uma-vida-saudavel-sem-ser-chato-pra-caralho/

Advertisements